Rondônia, terça, 24 de maio de 2022.

Idaron institui manual de gestão e controle de riscos para processos internos

Idaron institui manual de gestão e controle de riscos para processos internos

A nova ferramenta favorecerá o uso eficiente, eficaz e efetivo dos recursos disponibilizados pela Agência

A Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril de Rondônia (Idaron) tem, cada vez mais, aprimorado seus mecanismos internos de estratégia, controle e gestão, permitindo o uso eficiente e eficaz dos recursos disponibilizados para o desenvolvimento das ações implementadas na defesa sanitária animal e vegetal no estado. Um desses mecanismos é o Manual de Gestão e Controle de Riscos, ferramenta recém-instituída voltada à regulação e padronização processos internos.

“O manual também oferece aos gestores e servidores da Agência, bem como aos parceiros públicos e privados, orientações específicas e objetivas relacionadas a prática da gestão interna de riscos”, explica a controladora interna Ana Paula Pinto da Silva. O objetivo, segundo ela, é dar autonomia e capacitar o gestor, de modo que o controle seja mais eficiente. Por isso, faz-se imprescindível a utilização ampla da ferramenta e a incorporação da visão da gestão de riscos aos seus processos de trabalho. “É importante ressaltar que a gestão de riscos só é bem-sucedida se fizer parte da cultura do colaborador”, salienta.

Vale salientar que a gestão de riscos é considerada um dos mais importantes instrumentos para a consolidação do aperfeiçoamento iniciado pela Idaron, o que confere ao Manual de Gestão e Controle de Riscos importância proporcional a qualquer outro regramento normativo. “Então, para que seja cumprido à risca, facilitando, inclusive, as ações internas, está sendo oferecido treinamento aos servidores da Idaron”, destaca a coordenadora de administração e finanças da Idaron, Ana Aparecida Pereira Poquiviqui.

O treinamento acontece em Ji-paraná, região central de Rondônia, nesta quarta e quinta-feira (dias 16 e 17), com carga horária de 16 horas. A atividade conta com a participação de três representantes de cada supervisão da Idaron, incluindo o supervisor. “Ao final, será emitido certificado”, salienta.

GESTÃO DE RISCOS

A gestão de riscos está intimamente associada ao princípio constitucional da eficiência e a sua aplicação proporciona ganhos em termos de entrega de resultados e alcance dos objetivos institucionais. Isso a torna uma grande aliada do gestor, no desafio de garantir a qualidade dos serviços prestados ao cidadão.

“Um dos aspectos mais importantes é reforçar a ideia de que os sistemas de gerenciamento de riscos não devem ser encarados como trabalho ou burocracia desnecessária, mas como instrumento de tomada de decisão, que deve fazer parte dos processos de planejamento e de execução dos trabalhos relevantes da organização, de modo a garantir que as finalidades públicas sejam alcançadas”, enfatiza Ana Poquiviqui.

TREINAMENTO

O treinamento realizado em Ji-Paraná tem como preceptores a coordenadora de administração e Finanças, Ana Poquiviqui, a controladora interna Ana Paula da Silva e o gerente de patrimônio e almoxarifado da Idaron, Antonio Fortunato de Oliveira Neto.

Fonte/Foto: Idaron

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dois × um =

/** * The template for displaying the footer * * Contains the closing of the #content div and all content after. * * @link https://developer.wordpress.org/themes/basics/template-files/#template-partials * * @package Cream_Magazine_Pro */ ?>