Rondônia, terça, 30 de novembro de 2021.

ALE-RO

Combate ao Cancer

Combate ao Cancer

Senador Acir Gurgacz destina recursos para prevenção e tratamento da doença

Num período em que se combate mais fortemente a incidência de câncer no Brasil, o senador Acir Gurgacz (PDT) destaca o esforço da sociedade rondoniense para prevenir e tratar essa doença no estado, que ocupa o terceiro lugar em casos da doença na Região Norte. Gurgacz destacou que a mobilização da sociedade, sob a liderança de algumas personalidades e políticos, trouxe para Rondônia uma estrutura que vem melhorando a cada dia para prevenir e tratar a doença.

Nos últimos 10 anos, o senador destinou R$ 5 milhões em emendas ao Orçamento da União para a Fundação Pio XII, mantenedora do Hospital do Amor e que vai construir, em Ji-Paraná, o primeiro Centro de Prevenção do Câncer e Reabilitação de Doenças Raras da Amazônia. Além disso, Acir já destinou mais de R$ 97 milhões para o setor de saúde do estado. Esse dinheiro foi investido em hospitais, unidades básicas de saúde, Upas e ambulâncias que foram distribuídas para todos os municípios.

Ao destacar o envolvimento da sociedade na causa, o senador citou o trabalho dos grupos de Apoio aos Portadores de Câncer, organizados em várias cidades de Rondônia, que promovem ações como o Leilão Direito de Viver, a Caminhada Passos que Salvam, o Projeto Força na Peruca e a Carreta de Prevenção ao Câncer de Mama, voltadas à arrecadação de fundos para as instituições que trabalham na prevenção e combate à doença.

“Temos em Rondônia muita gente atuando em ações de prevenção da doença e para amenizar o sofrimento dos pacientes, mas ainda precisamos avançar muito para termos a estrutura necessária para atender bem a todos”, frisou Gurgacz.

O parlamentar destacou que, juntamente com a deputada Silvia Cristina (PDT), trabalhou para trazer o Hospital do Amor da Amazônia para Porto Velho e tem atuado para a construção do Centro de Prevenção e Reabilitação, em Ji-Paraná, além de ter destinado emendas para a estruturação e manutenção dessas unidades. Atualmente, o centro de prevenção funciona dentro do Hospital Municipal de Ji-Paraná, mas já tem terreno destinado e projeto aprovado para construção da sede própria na cidade.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

treze + 20 =