Rondônia, quinta, 11 de agosto de 2022.

Jhony pede inclusão de novos profissionais aos grupos prioritários para receber a vacina contra a Covid

Jhony pede inclusão de novos profissionais aos grupos prioritários para receber a vacina contra a Covid

Segundo o parlamentar, trabalhadores da segurança pública estão na linha de frente de combate à pandemia e devem receber as doses na primeira etapa

Chegou hoje em Porto Velho, Rondônia, o primeiro lote de vacinas contra a Covid-19. Nesse primeiro momento, o estado recebeu 49 mil doses da CoronaVac.

As primeiras pessoas vacinadas contra a Covid-19 em Rondônia serão as que fazem parte de grupos prioritários, considerados mais vulneráveis ou mais expostos à doença.

Desta forma, na primeira fase, estarão sendo vacinados os trabalhadores de Saúde, pessoas com mais de 75 anos, pessoas de 60 anos ou mais institucionalizadas e população indígena acima de 18 anos. Fazem parte desse grupo cerca de 102 mil pessoas.

No entanto, o deputado Cabo Jhony Paixão (Republicanos) acaba de fazer uma indicação ao Governo de Rondônia pedindo a inclusão dos servidores da segurança pública nesta etapa inicial de vacinação.

“Os policiais militares, civis e penais, assim como os bombeiros militares estão na linha de frente de combate à pandemia desde o começo e, para dar segurança à sociedade, é justo e necessário que eles também estejam em segurança”, asseverou o parlamentar.

Jhony Paixão complementou que, “acredito que o Governo do estado vai se sensibilizar e colocar a segurança pública entre os grupos prioritários desta primeira fase de vacinação”.

Pelo planejamento do Ministério da Saúde os servidores da área de segurança vão receber as doses da vacina apenas na quarta fase. A sequência do cronograma é a seguinte:

2ª fase – Pessoas de 60 a 64 anos, pessoas de 65 a 69 anos e pessoas de 70 até 74 anos. Fazem parte desse grupo cerca de 141 mil pessoas.

3ª fase – Pessoas com comorbidades, como: diabetes, hipertensão, doença pulmonar obstrutiva crônica, doença renal, doenças cardiovasculares e cerebrovasculares, indivíduos transplantados de órgão sólido, anemia falciforme, câncer e obesidade grave. Fazem parte desse grupo cerca de 120 mil pessoas.

4ª fase – Trabalhadores educacionais, forças de segurança e salvamento e funcionários do sistema prisional. Fazem parte desse grupo aproximadamente 28 mil pessoas.

Fonte: Assessoria

 

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

um × três =

/** * The template for displaying the footer * * Contains the closing of the #content div and all content after. * * @link https://developer.wordpress.org/themes/basics/template-files/#template-partials * * @package Cream_Magazine_Pro */ ?>