Rondônia, segunda, 17 de janeiro de 2022.

ALE-RO

Deputado Jhony Paixão pede Drive-Thru da saúde em todas as regiões do Estado

Deputado Jhony Paixão pede Drive-Thru da saúde em todas as regiões do Estado

Parlamentar defendeu ainda a reabertura das feiras livres no estado.

O Deputado Estadual Jhony Paixão (Republicanos) parabenizou o Governo do Estado pela iniciativa de promover, na última sexta-feira, 12, de um pit-stop em frente ao Palácio Rio Madeira, em Porto Velho, para a realização de testes de Covid na população da capital.

De acordo com o deputado, “é esse tipo de iniciativa que a população espera dos seus governantes. É este tipo de ação que o povo quer como uma forma de prevenção do Covid-19. É o tratamento no início da causa, na identificação prévia da doença que vai ajudar a salvar o maior número de vítimas. Quero parabenizar o governo do estado e solicitar para que mais ações como esta sejam realizadas em todas as regiões do estado”, pontuou.

O parlamentar lembrou que no ano passado, o município de Ji-Paraná realizou um “Drive-Thru” os moldes do que foi promovido pelo governo do estado e que na oportunidade a secretaria municipal de saúde conseguiu identificar cerca de 700 pessoas contaminadas com o vírus, que receberam os cuidados necessários e tiveram as suas vidas salvas por conta do atendimento rápido.

“Ji-Paraná foi pioneira neste tipo de ação em Rondônia. Um drive-thru realizado pela prefeitura no ano passado ajudou a salvar muitas vidas, a diminuir o contágio e a programar ações de combate à pandemia. Quero deixar meu gabinete à disposição e disponibilizar minhas emendas parlamentares para que possamos nos antecipar à essa doença que tem assolado a nossa população.

Aproveitando o discurso sobre o combate ao Coronavírus no Estado de Rondonia, o deputado Jhony Paixão destacou que é preciso que o Governo do Estado pense no pequeno e no médio comerciante que “estão quebrando” por conta dos decretos de fechamento. Segundo ele é preciso olhar com carinho para essa parte da população que vive do seu pequeno comércio, da sua pequena empresa, pois eles estão sentindo na pele, além do Covid, a questão financeira.

“Não é possível que deixemos os grandes supermercados abertos e as feiras livres, por exemplo, fechadas. Não é justo fazer o pequeno empresário pagar uma conta que não é deles. Precisamos encontrar uma forma de combater a pandemia, que certamente não é o fechamento do comércio, mas sim ações concretas de combate a aglomeração, à infecção. Precisamos prevenir a doença e não sacrificar o trabalhador, o pequeno empresário. Eles não têm culpa nenhuma”, finalizou.

Fonte: Assessoria

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

onze + 13 =